Restaurantes de Roma – VINHOTERAPIA – ESTRELAS

 

Oi pessoal! Estou de volta e inspirado pra contar umas aventuras que fiz!
Olhem onde fui parar.

Chamada de umbigo do mundo.
Dizem que quem tem boca, vai a ela.
Não foi construída em um dia.
Todos os caminhos levam a esta Cidade Eterna.
Todos os que aqui estão tendem a agir como os que aqui nasceram.
Uma cidade com três mil anos de História. Bem- vindos à Roma!

image
Com tanta comida boa, tradição e dicas de restaurantes nessa maravilhosa cidade, resolvi escolher e escrever sobre uma parada em três:

1) Tratoria Otello alla Concordia
Situado próximo à Scallinata di Spagna, em uma rua com vários outros restaurantes, resolvi conhece- lo por recomendação de amigos, e também por curiosidade. É este o restaurante do filme La Cena?

image

 

De entrada e para esperar o pessoal que ainda não tinha chegado, um Soave Classico de Verona, umas entradinhas de aperitivo e flores de Zucchini fritas.

 

 

image

 

image

Pedi o especial do dia: um Tagliolini (Talharim) com fungo porcini. Parece bom?

 

image

E para minha molie , um fettuccine ai funghi

image

Para acompanhar, um típico tinto da Sicília , o pessoal gostou muito.

 

Preço : 84 euros ( com os 2 vinhos).
Um bom restaurante, mas como esse há muitos em Roma (o que não é nada mal)! Ponto Alto : as massas, claro, e esse vinho branco!

http://www.ristoranteotelloallaconcordia.it/

 

2) Da Gino
Próximo ao Prédio do Parlamento, um pouco escondido em uma rua pra lá de charmosa está o Da Gino, proclamado como o restaurante que serve a melhor carbonara do mundo! Será? Bora lá conferir:

image
Pra iniciar, um vinho branco de Montefalco, 14% vol. ( no mínimo curioso)

image

Uns aperitivos:
Uma entrada que o garçom nos recomendou. Muuuuito boa.

image

Para minha molie:

E a famosa Carbonara do Da Gino. Suave, cremosa, espessa e al dente. Pede um vinho, não?
Para acompanhar a refeição o vinho tinto da casa acompanhou bem e estávamos acompanhados de amigos, tudo muito simples e especial. Este é um restaurante dos romanos, do almoço da semana. Um ambiente festivo e descontraído. Os preços são bem em conta, não é caro.

https://plus.google.com/117784651430172537561/about?gl=br&hl=pt-BR
3) Checchino dal 1887

Para encerrar, o ponto alto. Essa eu agradeço ao Ed Motta, que em um Guia Quatro Rodas “Viagem ao Mundo dos Vinhos” o recomendou.

No bairro de Testaccio, fora do burburinho turístico de outros lugares de Roma, está este explêndido restaurante.

Para iniciar: Bruschetta al pecorino com cálice di Cannelino di Frascati

image
O sommelier vem à mesa, recomenda o vinho de acordo com os pratos, prova um pouco antes de servir e… deixa o serviço do vinho para o cliente! Isto é que é profissionalismo. Assim é que tem que ser. Nada de servir o vinho com pressa, a velocidade do serviço do vinho é do cliente, pois não?Aceitamos a sugestão e pedimos um toscano típico: Casalferro 2008 Castello di Brolio. Pudemos fazer uma viagem à Toscana novamente com este tinto. Excelente!

image

Um Bucatini alla Gricia, a melhor massa que provei na Itália desta vez.

image
E para minha molie Spaghetti alla Carbonara:

image

 

Para arrematar, um Coda alla Vaccinara:

image

Um prato para três pessoas! Mas eles dizem que serve um só.
Valor com vinho, água etc: 118 euros. Grande experiência.

Restaurante amigo do vinho: Sim! Vinhos em taça, uma boa carta de vinhos, um excelente serviço, garrafas de safras antigas e especiais.

Altamente recomendável pegar um táxi, sair do circuito turístico e conhecer esse restaurante.

Checchino
Via di Monte Testaccio, 30

http://www.checchino-dal-1887.com/

“Como as memórias de uma viagem inesquecível, os sabores e cheiros de um grande vinho nunca mais saem da alma”
Ed Motta


Evandro Vanti Gonçalves

Wineblogger e sommelier

www.vinhosqueprovo.blogspot.com

 

 


Gostou? Compartilhe!

Share on FacebookPin on PinterestTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*